quarta-feira, 26 de dezembro de 2012


A lógica por trás da teoria do Fim do Mundo
Parte V
Por Umaia Ismail

Segundo a teoria metafísica e informações provenientes de algumas consci6encias superiores que abordam este assunto, o dia 21/12/2012 e meses seguintes, marcam a entrada definitiva de nosso planeta, iniciada em 2009, no cinturão de fótons, que banha o centro de nossa galáxia.

Nesse período, também acontecerá um alinhamento dav Terra, do Sol e da Lua, com o sol de nosso sistema solar e a lua.
Vários alinhamentos importantes aconteceram ao longos desses últimos anos, mas esse, em especial, coincide com a entrada definitiva da Terra nesse novo campo, que deverá afetar cada ser vivente que se permitir fazer um upgrade em seus campos vibratórios, e por conseguinte, uma guinada em sua trajetória evolutiva.

Os que não se permitirem, não há problema, pois a cada passagem por esse campo, a cada 12.650 anos mais ou menos, como podem ver na foto abaixo, (a cada metade de ano galáctico), nova oportunidade se apresenta.

A recomendação para esse período é: Serenidade.

Tranquilidade, Paz Interior, sentimento de Harmonia, Perdão, Compreensão, Compaixão, Alegria, e tudo o que vibra positivamente.

Com relação ao caledário Maia, que não é minha especialidade, ele foi decodificado pelo artista Joseph Antony Argueles, ou Volum Votam, que recebeu informações das consciências superiores sobre o funcionamento dos três discos que foram encontrados em na pirâmide de Yucatan.

Com as informações recebidas e divulgadas ao mundo por ele, percebeu-se que aquela civilização, extinta há cerca de 500 anos, conhecia mais sobre os astros do céu e seus movimentos do que o mundo dito civilizado de então.

Na época, a população da Europa, responsável pela colonização das Américas, achava que todo o Universo girava em torno da Terra, afinal Deus havia semeado a vida aqui, através de Adão e Eva. E acreditava que os povos encontrados no Novo Mundo eram todos inferiores.

Foi mais ou menos no período da chegada dos espanhóis que aquela civilização desapareceu misteriosamente.

Ou seja, ao mesmo tempo que a europa julgava e condena os que ousavam dizer que a Terra era redonda e girava em torno do sol, ou seja uma informação verdadeira, mas que desafiava a verdade de então, a civilização maia possuia um dos mais completos e perfeitos calendários do mundo, com sincronizações entre os movimentos do sol, da lua e do planeta vênus, na qual um deles (decodificado por Argueles), terminava com o fechamento do ano galáctico, um período de muitas mudanças geofísicas, e que já causou muita destruição na antiguidade.

Vamos aproveita tomar cuidado para não fazer das informações avançadas aqui postadas, motivo de críticas e julgamentos. Recomendo a todos que parem e reflitam sobre o que foi dito, pois amanhã, o sobrenatural poderá ser algo bem natural.
A lógica por trás da teoria do Fim do Mundo
Parte V
Por Umaia Ismail

Segundo a teoria metafísica e informações provenientes de algumas consci6encias superiores que abordam este assunto, o dia 21/12/2012 e meses seguintes, marcam a entrada definitiva de nosso planeta, iniciada em 2009, no cinturão de fótons, que banha o centro de nossa galáxia. 

Nesse período, também acontecerá um alinhamento dav Terra, do Sol e da Lua,  com o sol de nosso sistema solar e a lua. 
Vários alinhamentos importantes aconteceram ao longos desses últimos anos, mas esse, em especial, coincide com a entrada definitiva da Terra nesse novo campo, que deverá afetar cada ser vivente que se permitir fazer um upgrade em seus campos vibratórios, e por conseguinte, uma guinada em sua trajetória evolutiva.

Os que não se permitirem, não há problema, pois a cada passagem por esse campo, a cada 12.650 anos mais ou menos,  como podem ver na foto abaixo, (a cada metade de ano galáctico), nova oportunidade se apresenta.

A recomendação para esse período é: Serenidade. 

Tranquilidade, Paz Interior, sentimento de Harmonia, Perdão, Compreensão, Compaixão, Alegria, e tudo o que vibra positivamente.

Com relação ao caledário Maia, que não é minha especialidade, ele foi decodificado pelo artista Joseph Antony Argueles, ou Volum Votam, que recebeu informações das consciências superiores sobre o funcionamento dos três discos que foram encontrados em na pirâmide de Yucatan.

Com as informações recebidas e divulgadas ao mundo por ele, percebeu-se que aquela civilização, extinta há cerca de 500 anos, conhecia mais sobre os astros do céu e seus movimentos do que o mundo dito civilizado de então.

Na época, a população da Europa, responsável pela colonização das Américas, achava que todo o Universo girava em torno da Terra, afinal Deus havia semeado a vida aqui, através de Adão e Eva. E acreditava que os povos encontrados no Novo Mundo eram todos inferiores.

Foi mais ou menos no período da chegada dos espanhóis que aquela civilização desapareceu misteriosamente.

Ou seja, ao mesmo tempo que a europa julgava e condena os que ousavam dizer que a Terra era redonda e girava em torno do sol, ou seja uma informação verdadeira, mas que desafiava a verdade de então, a civilização maia possuia um dos mais completos e perfeitos calendários do mundo, com sincronizações entre os movimentos do sol, da lua e do planeta vênus, na qual um deles (decodificado por Argueles), terminava com o fechamento do ano galáctico, um período de muitas mudanças geofísicas, e que já causou muita destruição na antiguidade. 

Vamos aproveita tomar cuidado para não fazer das informações avançadas aqui postadas, motivo de críticas e julgamentos. Recomendo a todos que parem e reflitam sobre o que foi dito, pois amanhã, o sobrenatural poderá ser algo bem natural.

Nenhum comentário:

Postar um comentário